Bíblia Falada Romanos Download gratuito em MP3Romanos gravada por Cornélio Augusto

Romanos
Autor: O apóstolo Paulo.
Destinatários: Os cristãos romanos, 1:7.
Textos-chave: 1:16; 5:1.
Temas principais: O plano da salvação — a justificação pela fé e a santificação por meio do Espírito Santo (caps. 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11); exortações, principalmente acerca
dos deveres cristãos (caps. 12, 13, 14, 15, 16).
Um argumento poderoso
O apóstolo prova que o ser humano está rodeado de três muros insuperáveis.
1. O muro da culpabilidade universal, caps. 1, 2, 3.
2. O muro das tendências pecaminosas e das concupiscências carnais, 7:15-24.
3. O muro da eleição soberana de Deus, 9:7-18.
Contudo, em meio ao argumento de que é terrível a situação do homem natural, ele acentua as portas da misericórdia divina mediante a provisão do plano de salvação, através das
quais todos os que desejam podem escapar dos iminentes juízos de Deus.
Cadeia-chave: Para mostrar a corrente de pensamento, 1:16; 3:22,23,28; 4:3; 5:1,18; 9:31,32; 10:3,4,6-9.
O desenho mostra os muros de separação e as portas de escape, segundo o argumento do apóstolo.
SINOPSE
I. O plano da salvação
1. Sua necessidade, fundamentada na culpabilidade universal da humanidade
a) Do mundo dos gentios, 1:18—2:16
b) Do mesmo modo os judeus, sob a condenação da Lei, 2:17—3:20
c) Todos são pecadores, 3:23
2. Seu método, justificação ou justiça pela fé, 3:21-28
a) É universal, 3:29,30
b) Honra a Lei, 3:31
3. Ilustrado na vida de Abraão, cap. 4
a) Independente das obras, v. 1-6
b) Independente das ordenanças, v. 9-12
c) Separado da lei, v. 13-25
4. Suas bênçãos tornam-se efetivas por meio do amor de Deus, manifestado no sacrifício de Cristo, 5:1-11
5. Explica o alcance do dom gratuito da salvação, 5:12-21
6. O dom gratuito não estimula a prática do pecado, pelo contrário, requer a crucificação da natureza corrupta do homem e uma vida de serviço santo a Deus, 6:1-23
7. Luta com as tendências pecaminosas e os desejos da carne, cap. 7
Se Paulo se refere às próprias experiências antes ou depois de sua conversão, é uma questão que divide os estudiosos da Bíblia. Todos, entretanto, concordam em que o texto
descreve vividamente o que ocorre no coração humano, 7:7-24.
8. Descrição culminante do plano da salvação, cap. 8
A nova vida espiritual de liberdade e justiça por meio da fé em Cristo. Esse é um dos grandes capítulos espirituais da Bíblia — o Espírito Santo é mencionado dezenove vezes.
9. Parêntese. A grande preocupação de Paulo pelo seu povo, 9:1-5
10. O mistério da eleição divina e o trato de Deus com Israel
a) Privilégios especiais de Israel, 9:4,5 (v. 3:1,2)
b) Distinção entre os descendentes naturais e espirituais de Abraão, 9:6-13
c) O mistério da soberania divina, 9:14-24
d) Os profetas predisseram o fracasso dos judeus em viver de acordo com seus privilégios; o chamado aos gentios e sua aceitação ao plano divino de justificação pela fé, 9:25-33
11. A má interpretação que os judeus fizeram do plano divino resultou na justiça própria, 10:1-3
12. Explicação do plano de salvação pela fé e promulgação de sua aplicabilidade universal, 10:4-18
13. Relacionamento entre Deus e Israel, 10:19—11:12
14. Os gentios são advertidos a não se gabar de seus privilégios e a cuidar para não cair em condenação, 11:13-22
15. Profecia da restauração de Israel e declaração de que os mistérios de Deus são insondáveis, 11:23-36
II. Parte prática
Contém principalmente exortações e instruções acerca dos deveres cristãos, caps. 12, 13, 14, 15, 16.
1. Cap. 12
Esse capítulo apresenta um dos melhores resumos dos deveres cristãos encontrados nas Escrituras. Pode-se obter um estudo mais completo consultando os temas à margem desse
capítulo nesta Bíblia.
2. Cap. 13
a) Deveres cívicos e sociais, v. 1-10
b) O dever de viver na luz, v. 11-14
3. Deveres para com o fraco, 14:1—15:7
a) Não devemos julgá-lo, 14:1-13
b) Devemos ter cuidado em não ofendê-lo, 14:15-23
c) Devemos ajudá-lo, e não agradar a nós mesmos, 15:1-7
4. Pensamentos finais, experiências pessoais e saudações
a) Razões para dar graças da parte dos gentios e a propagação do ministério do apóstolo entre eles, 15:8-21
b) O desejo de Paulo de visitar Roma e suas saudações a vários amigos cristãos, 15:22—16:16
c) Palavras finais e bênção, 16:17-27

Bíblia Falada – Romanos

Download gratuito, em MP3, gravada por Cornélio Augusto

Cap 1: http://www.box.net/shared/b5u2zhr2ly

Cap 2: http://www.box.net/shared/a1c3h7ae71

Cap 3: http://www.box.net/shared/1a9ccjkrm9

Cap 4: http://www.box.net/shared/ig17zuzqi4

Cap 5: http://www.box.net/shared/u8i31ysqy9

Cap 6: http://www.box.net/shared/1ipcb415b4

Cap 7: http://www.box.net/shared/nm111yjm7s

Cap 8: http://www.box.net/shared/jqptmjfv6q

Cap 9: http://www.box.net/shared/hd7hh7g916

Cap 10: http://www.box.net/shared/n2×9j02v4n

Cap 11: http://www.box.net/shared/jb2f70tr3v

Cap 12: http://www.box.net/shared/c8dafev11o

Cap 13: http://www.box.net/shared/vor1ot6ab5

Cap 14: http://www.box.net/shared/z56f4gmebt

Cap 15: http://www.box.net/shared/ztqyi2ydj3

Cap 16: http://www.box.net/shared/khuek4hnaf

Louvor a Deus

Romanos 16:25-27

25Louvemos a Deus! Pois ele pode conservar vocês firmes na fé, de acordo com o evangelho que eu anuncio, isto é, a mensagem a respeito de Jesus Cristo. E de acordo também com a verdade secreta que nunca foi revelada no passado. 26Porém essa verdade foi revelada agora por meio daquilo que os profetas escreveram. E, por ordem do Deus eterno, ela se tornou conhecida em todas as nações, para que todos creiam e obedeçam.
27Ao Deus único e sábio seja dada glória para sempre, por meio de Jesus Cristo! Amém!


Anúncios