Levítico 27:1-15 (leia aqui) Este capítulo trata sobre os votos que os filhos de Israel podiam fazer e a maneira pela qual o sacerdote deveria avaliá-los. No capitulo 30 de Êxodo, nossa atenção é dirigida ao fato de que o preço da redenção era igual para todos. Aqui, pelo contrário, as taxas variavam. De fato, isso não é uma questão que representa nossa salvação, mas, sim, a capacidade que cada um tem. Redimidos pelo mesmo preço, o precioso sangue de Cristo, todos os filhos de Deus estão longe de estar no mesmo nível espiritual ou de ter a mesma aptidão para o serviço. E o sacerdote deve intervir para avaliar a obra de cada um: “segundo a avaliação do sacerdote, assim serᔠ(v. 12). Nós, que criticamos tão facilmente o que os outros fazem ou não fazem, não nos esqueçamos de que o Único que julga é o Senhor (1 Coríntios 4:4-5). Pessoas, animais ou casas, tudo poderia ser consagrado ao Senhor. De fato, não temos nada mais precioso para oferecer ao Senhor do que nós mesmos. Isso foi o que os macedônios fizeram, a respeito de quem o apóstolo diz: “Porque eles, testemunho eu… deram-se a si mesmos primeiro ao Senhor”, e, originada dessa oferta inicial, toda obra deles espontaneamente abundou em alegria (2 Coríntios 8:2-5).

Levítico 27

1  FALOU mais o Senhor a Moisés, dizendo:

2  Fala aos filhos de Israel, e dize-lhes: Quando alguém fizer particular voto, segundo a tua avaliação serão as pessoas ao Senhor.

3  Se for a tua avaliação de um homem, da idade de vinte anos até a idade de sessenta, será a tua avaliação de cinqüenta siclos de prata, segundo o siclo do santuário.

4  Porém, se for mulher, a tua avaliação será de trinta siclos.

5  E, se for de cinco anos até vinte, a tua avaliação de um homem será vinte siclos e da mulher dez siclos.

6  E, se for de um mês até cinco anos, a tua avaliação de um homem será de cinco siclos de prata, e a tua avaliação pela mulher será de três siclos de prata.

7  E, se for de sessenta anos e acima, pelo homem a tua avaliação será de quinze siclos e pela mulher dez siclos.

8  Mas, se for mais pobre do que a tua avaliação, então apresentar-se-á diante do sacerdote, para que o sacerdote o avalie; conforme as posses daquele que fez o voto, o avaliará o sacerdote.

9  E, se for animal dos que se oferecem em oferta ao Senhor, tudo quanto der dele ao Senhor será santo.

10  Não o mudará, nem o trocará bom por mau, ou mau por bom; se porém de alguma maneira trocar animal por animal, tanto um como o outro, será santo.

11  E, se for algum animal imundo, dos que não se oferecem em oferta ao Senhor, então apresentará o animal diante do sacerdote,

12  E o sacerdote o avaliará, seja bom ou seja mau; segundo a avaliação do sacerdote, assim será.

13  Porém, se de alguma maneira o resgatar, então acrescentará a sua quinta parte sobre a tua avaliação.

14  E quando alguém santificar a sua casa para ser santa ao Senhor, o sacerdote a avaliará, seja boa ou seja má; como o sacerdote a avaliar, assim será.

15  Mas, se o que a santificou resgatar a sua casa, então acrescentará a quinta parte do dinheiro sobre a tua avaliação, e será sua.

« »