Somos um só pão e um só corpo, porque todos participamos do mesmo pão (1 Coríntios 10:17)

Um só corpo

Cada primeiro dia da semana, os redimidos podem se congregar para falar do amor de Deus e manifestar, ao estarem juntos ao redor da mesa do Senhor, a verdade de que são um só corpo. No dia de Pentecostes, mencionado em Atos (2:1-4), Deus chamou esse corpo à existência ao derramar o Espírito Santo sobre os crentes. Dessa maneira, uma maravilhosa unidade surgiu entre eles e o Senhor. Cristo é a cabeça desse corpo e nós, os redimidos, somos Seus membros. Nada nem ninguém pode quebrar essa unidade.

Sabemos que atualmente a unidade dos filhos de Deus já não é mais visível aos olhos humanos, e a profusão de congregações e doutrinas comprova isso. Mas quando estamos reunidos em torno da mesa do Senhor e vemos esse “pão” diante de nós, por alguns momentos podemos pensar nos inalteráveis desígnios divinos e nos alegrarmos. O Espírito de Deus chama esse plano de “o mistério de Cristo”, um mistério que os crentes do Antigo Testamento não conheceram (Efésios 3:4 e 9), mas que nos foi revelado. Nele estão incluídos todos os redimidos da era da graça, a Igreja do Deus vivo.

É um privilegio dar testemunho visível da unidade do corpo quando nos congregamos da maneira ensinada pelas Escrituras nas epístolas de Paulo. Que o Senhor nos ajude a perseverarmos na manifestação dessa verdade “até que ele venha” (1 Coríntios 11:26).

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: