Orando… por mim; para que me seja dada, no abrir da minha boca, a palavra com confiança, para fazer notório o mistério do evangelho (Efésios 6:18-19).

Um assunto importante

O evangelista D. L. Moody pregava o Evangelho em Chicago. Ao deixar o auditório onde havia dirigido uma reunião, notou um homem escorado em um poste com uma expressão melancólica no rosto. Moody gentilmente colocou a mão sobre o braço do homem e perguntou se ele era cristão. O homem o reconheceu, levantou o punho e gritou furiosamente: “Vá cuidar da sua vida!”

“Desculpe por aborrecê-lo”, respondeu Moody, “mas minha vida é exatamente mostrar às pessoas como podem se livrar da culpa que têm diante de Deus e persuadi-las a crer no Senhor Jesus Cristo”. Então, sentindo que nada mais havia a ser feito no momento, foi embora.

Certa noite, aproximadamente três meses depois, o evangelista foi acordado por alguém batendo à porta de sua casa. “Quem é?”, perguntou, mas não reconheceu o nome da pessoa. “O que você deseja?” – “Eu quero me tornar cristão!” Quando Moody abriu a porta, se deparou com o homem que havia ficado muito irado com seu testemunho na rua. O visitante se desculpou pela maneira com que reagira naquela ocasião e reconheceu que sua consciência não lhe havia dado descanso desde então. O Espírito Santo estivera operando no coração daquele homem, e agora Moody podia mostrar-lhe o caminho para Cristo.

Quando os cristãos convidam outras pessoas a receberem a Cristo como seu Salvador, certamente isso é do interesse deles, ou melhor, é do interesse dEle. Por essa razão rogamos com toda sinceridade aos leitores deste calendário devocional, que compreendam o porquê consideramos a propagação do Evangelho como um assunto urgente e importante

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: