Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, porque tu estás comigo.” (Salmo 23.4)

A palavrinha aparentemente insignificante “porque” nos mostra grandes coisas que não têm palavras que o expressem. Davi canta esse salmo e expressa sua fé claramente no Salmo 23. Ele teria motivos mais que suficientes para naufragar de medo e pavor, pois estava cercado de inimigos, mas ele se agarrou no Senhor: “…porque tu estás comigo.” Este “porque” realça e enfatiza a excelsa pessoa de Deus. Quando a pessoa do Senhor tem o espaço maior em sua vida e domina todas as áreas de sua existência, você sempre poderá usar esse vitorioso “porquê”. Você tem motivos para ficar apavorado, ter medo e aflição, mas assim mesmo ouse expressar o “porquê”: “…não temerei mal nenhum, porque tu estás comigo.” Essa pequena palavrinha também resolve a suprema questão da nossa fraqueza. Você se queixa: “Não tenho forças, gostaria de servir melhor ao Senhor, mas por toda parte só encontro portas fechadas.” Tenha confiança, pois o Senhor conhece a sua fraqueza. O salmista testifica: “Ele me abateu a força no caminho.” Mas veja a promessa do Senhor: “…eis que tenho posto diante de ti uma porta aberta, a qual ninguém pode fechar.” E a justificativa para isso: “…que tens pouca força.” Justamente porque você é fraco, Ele é poderoso em você! Justamente porque você não pode resolver as situações, Ele pode fazer tudo por você!

Extraído do livro “Pérolas Diárias” (de Wim Malgo)

Anúncios

Uma resposta

  1. Continue crescendo, continue sendo fiel, continue amando, vidas serão resgatadas através de ti !

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: