Ninguém conhece o Filho, senão o Pai; e ninguém conhece o Pai, senão o Filho, e aquele a quem o Filho o quiser revelar (Mateus 11:27).

As sete vezes “Eu sou”

Jesus Cristo veio ao mundo para nos levar ao Pai. Por meio de sete ilustrações muito simples Ele nos revelou quem é.

“Eu sou o pão da vida; aquele que vem a mim não terá fome… se alguém comer deste pão, viverá para sempre” (João 6:35,51). Encontramos aqui satisfação.

“Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida” (João 8:12). Com Ele há luz e verdade.

“Eu sou a porta; se alguém entrar por mim, salvar-se-á, e entrará, e sairá, e achará pastagens” (João 10:9). Através dEle é possível entrar no reino de Deus.

“Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas… Eu sou o bom Pastor, e conheço as minhas ovelhas, e das minhas sou conhecido” (João 10:11, 14). Os que pertencem a Ele têm perfeita segurança.

“Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá” (João 11:25). Como Vitorioso sobre a morte, Ele dá vida: vida eterna.

“Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim” (João 14:6). Ele é o único meio de acesso a Deus, o Pai.

“Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto” (João 15:5). Um íntimo relacionamento com o Senhor Jesus resulta em uma vida que produz muito fruto para Ele.

Extraído do devocional “Boa Semente” – literatura@terra.com.br

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: