Então ele disse: Ouve, pois, a palavra do Senhor: Vi ao Senhor assentado sobre o seu trono, e todo o exército do céu estava junto a ele, à sua mão direita e à sua esquerda.

1 Reis 22:19-49 (leia aqui)

A uma só voz, os quatrocentos profetas fizeram suas predições de acordo com a vontade do rei. Que risco corriam? Se Acabe ganhasse a guerra, a profecia deles se confirmaria. Se não ganhasse, ele não seria capaz de reprová-los. Contra esses mentirosos, um único profeta do Senhor, o fiel Micaías, corajosamente declara a verdade e tem de sofrer por isso. Como no capítulo 18, esse relato nos mostra um sério perigo: julgar alguma coisa boa ou má pelo número de pessoas que a praticam. Os homens de hoje, da mesma maneira que Acabe, não suportam a sã doutrina; pelo contrário, cercam-se de mestres segundo as suas próprias cobiças (2 Timóteo 4:3). Eles não gostam especialmente de ouvir sobre o julgamento eterno e por isso procuram mestres que lhes prometam a felicidade e a prosperidade. Porém, mais cedo ou mais tarde, Deus irá confrontar os mentirosos. Sua Palavra é a verdade (João 17:17).

A fraqueza moral de Josafá quase lhe custou a vida. Ele seguiu Acabe, temendo contrariá-lo. Acabe covardemente pensou poder desviar a atenção e os esforços do inimigo em direção a Josafá. Porém esse plano não pôde enganar o Senhor, que tinha Seus olhos sobre um rei para livrá-lo e sobre outro para executar Seu infalível julgamento (Salmo 7:12-13).

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: