E ACONTECEU depois disto que morreu o rei dos filhos de Amom, e seu filho Hanum reinou em seu lugar.

2 Samuel 10:1-19 (leia aqui)

Depois da história de Mefibosete, que aceitou a graça do rei, segue-se a história dos que não a entenderam e, portanto, não estavam dispostos a recebê-la.

Davi quis usar de bondade para com Hanum e consolá-lo pela morte do pai. Jesus também deseja revelar- Se aos homens de hoje como Aquele que carregou e sarou as nossas dores (Isaías 53:4). Pode haver maior insulto do que rejeitar tal amor? Como Davi deve ter sentido profundamente o ultraje feito aos seus servos! E como o coração do Salvador, tão absolutamente sensível, sente o escárnio daqueles que dia após dia rejeitam a chamado de Seu amor (João 5:40; Mateus 22:6).

Ainda havia tempo para Hanum e seu povo se humilharem ao perceber a enrascada em que se tinham metido. A experiência de Abigail nos dá a certeza de que o julgamento merecido seria posto de lado (1 Samuel 25). Em vez disso, a cegueira e o orgulho dos filhos de Amom os conduziu à guerra contra aquele que lhe desejavam fazer o bem. Mas para Davi foi a ocasião de uma nova uma vitória, ainda mais gloriosa que a registrada no capítulo 8 sobre Hadadezer e os siros que tinham juntado forças com os amonitas.

Anúncios

Uma resposta

  1. ADOREI ESSE COMENTARIO,MUITO BOM MESMO! SE VOCES PUDEREM MANDAR OUTROS DESSES PARA MIM POR EMAIL,FICO AGRADECIDO!

    A PAZ DO SENHOR!

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: