E FOI anunciado a Davi, dizendo: Eis que os filisteus pelejam contra Queila, e saqueiam as eiras.

1 Samuel 23:1-13 (leia aqui)

Quando Davi soube do ataque filisteu a Queila, ele poderia ter dito: “Defender o país é problema de Saul”. Mas não o fez! Apesar do risco, esse homem que havia libertado suas ovelhas da boca do leão e do urso avança para ajudar a cidade em perigo. Dessa forma, Davi age como um verdadeiro rei. E antes de tudo ele não se esqueceu de perguntar o que Deus pensava sobre isso (v. 2). Façamos o mesmo, mesmo quando estivermos diante de algo que parece bom para nós. Isso é o que se chama dependência!

Os homens de Davi estavam muito temerosos. Eles nos fazem lembrar dos discípulos do Senhor que “se admiravam e o seguiam tomados de apreensões” (Marcos 10:32).

Para encorajar seus homens, Davi mais uma vez perguntou ao Senhor, que lhe deu a mesma resposta. E a vitória foi conquistada. Mas infelizmente Davi sabia que o povo a quem ele libertara era capaz de entregá-lo nas mãos de Saul sem a menor hesitação. Ele não confiava naquelas pessoas. Não aconteceu a mesma coisa com o Senhor? Ele veio para libertar Seu povo; contudo “o próprio Jesus não se confiava a eles, porque os conhecia a todos. E não precisava de que alguém lhe desse testemunho a respeito do homem, porque ele mesmo sabia o que era a natureza humana” (João 2:24-25).

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: