Ponde-vos também agora aqui, e vede esta grande coisa que o Senhor vai fazer diante dos vossos olhos.

1 Samuel 12:16-25; 13:1-5 (leia aqui)

A chuva que Samuel pediu no tempo da colheita (uma época em que jamais chove naquela região – Provérbios 26:1) era um milagre feito para provar o povo que o profeta falava da parte do Senhor. E o que ele diz? De maneira gentil, após eles se terem humilhado, Samuel os exorta a abandonar as vaidades que são inúteis, para servir a Deus de todo coração (vv. 20-21; Tito 2:12-14). O serviço de Samuel como juiz havia acabado. Mas ele continuaria sua obra como intercessor (v. 23) e profeta para mostrar da parte do Senhor “o caminho bom e direito”. A graça divina se mantém disponível para eles na pessoa de Samuel por meio desse duplo recurso: oração e a Palavra. Nós, filhos de Deus, temos uma Pessoa incomparavelmente mais maravilhosa. Até o fim, o Senhor Jesus não cessará de interceder por nós. E assim poderemos seguir o caminho bom e direito neste mundo, pois Ele nos deu Seu Espírito e Sua Palavra. Com tais recursos não temos desculpas para não viver para Sua glória.

O reinado de Saul está prestes a começar. Ele reúne o povo em Gilgal para enfrentar seus inimigos – os filisteus.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: