ADOÇÃO CELESTIAL Leia:Efésios 1:3-6

3 Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo; 4 Como também nos elegeu nele antes da fundação do mundo, para que fôssemos santos e irrepreensíveis diante dele em amor; 5 E nos predestinou para filhos de adoção por Jesus Cristo, para si mesmo, segundo o beneplácito de sua vontade, 6 Para louvor e glória da sua graça, pela qual nos fez agradáveis a si no Amado,

Conheci um casal cristão durante uma viagem de Chicago para Moscou. Nosso vôo atrasou e começamos a conversar. Eles estavam indo para a Rússia para adotar uma garotinha órfã. Iam encontrá-la pela primeira vez. Me mostraram a foto dela e me contaram sobre como estavam animados em receber aquela criança na família. Desejavam cuidar bem dela e compartilhar sua fé com ela. Sem mesmo terem visto a garota, estavam dispostos a abrir mão de dinheiro, tempo e energia para que ela se tornasse sua filha.A história do evangelho é parecida com esta, porém, bem mais profunda. Deus nos amou tanto que nos escolheu para sermos seus filhos, antes mesmo da criação do mundo! Mas para que pudéssemos ser totalmente adotados, ele precisou lidar com o pecado humano. Para tanto, teve de enviar seu Filho, Jesus Cristo, a este mundo para morrer por nós. Em Jesus encontramos a salvação e somos adotados na família de Deus.Como devemos responder ao amor de Deus? A Bíblia diz que devemos amar a Deus acima de tudo e que devemos também nos amar uns aos outros. Não é à toa que o cristianismo é conhecido como a religião do amor! Encorajados pelo amor de Deus por nós, buscamos refletir o amor de Deus neste mundo.
Pense:

Deus é Pai, mas não de todos.
Ore:
Nosso Pai celestial, alegramo-nos porque somos, por adoção, teus filhos e filhas em Jesus Cristo! Ajuda-nos a responder com amor ao teu imensurável amor. Amém.

Then Abner called to Joab, and said, Shall the sword devour for ever? knowest thou not that it will be bitterness in the latter end? how long shall it be then, ere thou bid the people return from following their brethren? 2 Samuel 2:26Then saith Jesus unto him, Put up again thy sword into its place: for all they that take the sword shall perish with the sword. Mateus 26:52

Versículos de hoje

Então Abner gritou a Joabe, e disse: Consumirá a espada para sempre? Não sabes tu que por fim haverá amargura? E até quando não hás de dizer ao povo que deixe de perseguir a seus irmãos? 2 Samuel 2:26

Então Jesus disse-lhe: Embainha a tua espada; porque todos os que lançarem mão da espada, à espada morrerão. Mateus 26:52

E ALGUNS dias depois entrou outra vez em Cafarnaum, e soube-se que estava em casa. E logo se ajuntaram tantos, que nem ainda nos lugares junto à porta cabiam; e anunciava-lhes a palavra

Marcos 2:1-17

1 E ALGUNS dias depois entrou outra vez em Cafarnaum, e soube-se que estava em casa. 2 E logo se ajuntaram tantos, que nem ainda nos lugares junto à porta cabiam; e anunciava-lhes a palavra. 3 E vieram ter com ele conduzindo um paralítico, trazido por quatro. 4 E, não podendo aproximar-se dele, por causa da multidão, descobriram o telhado onde estava, e, fazendo um buraco, baixaram o leito em que jazia o paralítico. 5 E Jesus, vendo a fé deles, disse ao paralítico: Filho, perdoados estão os teus pecados. 6 E estavam ali assentados alguns dos escribas, que arrazoavam em seus corações, dizendo: 7 Por que diz este assim blasfêmias? Quem pode perdoar pecados, senão Deus? 8 E Jesus, conhecendo logo em seu espírito que assim arrazoavam entre si, lhes disse: Por que arrazoais sobre estas coisas em vossos corações? 9 Qual é mais fácil? dizer ao paralítico: Estão perdoados os teus pecados; ou dizer-lhe: Levanta-te, e toma o teu leito, e anda? 10 Ora, para que saibais que o Filho do homem tem na terra poder para perdoar pecados (disse ao paralítico), 11 A ti te digo: Levanta-te, toma o teu leito, e vai para tua casa. 12 E levantou-se e, tomando logo o leito, saiu em presença de todos, de sorte que todos se admiraram e glorificaram a Deus, dizendo: Nunca tal vimos. 13 E tornou a sair para o mar, e toda a multidão ia ter com ele, e ele os ensinava. 14 E, passando, viu Levi, filho de Alfeu, sentado na recebedoria, e disse-lhe: Segue-me. E, levantando-se, o seguiu. 15 E aconteceu que, estando sentado à mesa em casa deste, também estavam sentados à mesa com Jesus e seus discípulos muitos publicanos e pecadores; porque eram muitos, e o tinham seguido. 16 E os escribas e fariseus, vendo-o comer com os publicanos e pecadores, disseram aos seus discípulos: Por que come e bebe ele com os publicanos e pecadores? 17 E Jesus, tendo ouvido isto, disse-lhes: Os sãos não necessitam de médico, mas, sim, os que estão doentes; eu não vim chamar os justos, mas, sim, os pecadores ao arrependimento.

Na casa em Cafarnaum, o Senhor Jesus Se dá a conhecer, segundo o Salmo 103:3, como Aquele que perdoa todas as nossas iniqüidades e que sara todas as nossas enfermidades. As duas declarações deste Salmo são por Ele cumpridas na vida do paralítico como um testemunho para todos. Sim, Aquele que perdoa os pecados – uma obra espiritual – e que dá uma prova material dessa obra, também curando a enfermidade, só pode ser o Senhor (Jeová), o Deus de Israel.

Os publicanos arrecadavam impostos para os romanos, atividade que lhes proporcionava riqueza (pois lhes tocava uma parte do arrecadado), mas também o desprezo da parte de seus compatriotas. O Senhor, porém, ao chamar Levi e ao aceitar o seu convite para comer em sua casa, mostra que não despreza nem rejeita ninguém. Pelo contrário, Ele veio buscar os pecadores notórios, aqueles que não ocultam o seu estado (1 Timóteo 1:15). Ele Se assenta à mesa com eles, fazendo-Se Amigo deles. Desde a queda, o homem tem medo de Deus e foge d’Ele por estar sua consciência “pesada”. Assim, o primeiro esforço de Deus, antes de salvar a Sua criatura, foi aproximar-Se dela e ganhar a sua confiança. Isso é o que o Senhor Jesus fez, ao humilhar-Se a ponto de identificar-Se com o homem miserável a fim de fazê-lo compreender que Deus o ama.

Extraído do “Guia Devocional do Novo Testamento” – literatura@terra.com.br

O Senhor Jesus, nascido em Belém, da tribo de Judá, era o Messias prometido. Vários profetas haviam falado dEle e de Seus sofrimentos. Ele veio para os seus; e na casa de seus amigos foi ferido de morte. O profeta Daniel havia anunciado: “Será tirado o Messias e não será mais”

Domingo 14 Outubro

Que feridas são essas nas tuas mãos? (Zacarias 13:6).

AS FERIDAS VISÍVEIS (Zacarias 13)

O Senhor Jesus, nascido em Belém, da tribo de Judá, era o Messias prometido. Vários profetas haviam falado dEle e de Seus sofrimentos. Ele veio para os seus; e na casa de seus amigos foi ferido de morte. O profeta Daniel havia anunciado: “Será tirado o Messias e não será mais” (9:26). Não pôde receber o reino das mãos de Seu Pai, porque os judeus O rejeitaram: não queriam este rei (Lucas 19:14).

Jesus havia sido enviado para falar aos homens da parte de Deus, Seu Pai. Era Seu profeta, que devia comunicar uma mensagem de graça àqueles que amava e queria salvar. Porém chegou o momento em que falou: “Não sou profeta” (v. 5). Como Seu povo se recusou a Lhe dar ouvidos, sem dizer palavra caminhou até o lugar do suplício (Isaías 53:7).

Ele Se apresentou como servo perfeito para cumprir a obra de Deus: “Sou lavrador da terra; porque tenho sido servo desde a minha mocidade” (v. 5). “Mas aniquilou-se a si mesmo, tomando a forma de servo” (Filipenses 2:7). “Não teve por usurpação ser igual a Deus”, mas se consagrou a Seu Pai. Nada O deteve: “Pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta” (Hebreus 12:2).

Ele Se deixou crucificar no madeiro. Pela marca visível dos cravos em Suas mãos, os judeus O reconhecerão quando vier reinar em Israel, e aceitarão a responsabilidade na morte do Filho de Deus.

Porém nossos pecados também cravaram Jesus na cruz; assim nossa salvação é motivo de profunda gratidão e eterno louvor.

Extraído do devocional “Boa Semente” – literatura@terra.com.br

 

Sede sóbrios e vigilantes. O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar; resisti-lhe firmes na fé

14 de Outubro

“Sede sóbrios e vigilantes. O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar; resisti-lhe firmes na fé.” 1 Pedro 5.8-9

A exortação de Pedro diz que devemos ser sóbrios e vigilantes, até mesmo se estamos sempre confirmando a vitória de Jesus. Paulo diz exatamente o mesmo em Efésios 6.10-11. Ele não diz que devemos lutar contra os ataques astutos do inimigo, antes pelo contrário, que devemos nos tornar fortes no Senhor. Negamos o combate da fé? Não! Mas não lutamos para alcançar a vitória, lutamos a partir da vitória alcançada por Jesus! Talvez agora alguém possa retrucar: se Satanás de fato foi vencido, como então ele ainda pode estar tão atuante?

1. Porque a vitória do Senhor Jesus Cristo tem que ser colocada à prova diante do mundo visível e invisível por meio daqueles que crêem em Jesus Cristo.

2. Porque a pessoa só pode ser salva com base em sua livre decisão. Ela deve escolher entre Jesus e Satanás, entre luz e trevas, entre vida e morte.

3. Porque o Deus soberano e santo não tem necessidade de oprimir as trevas pela força. Pois pura e simplesmente a presença de Deus e o dom do Seu amor, Jesus Cristo, que, como a luz do mundo, reconciliou o mundo com Deus, tirou o poder de Satanás! Extraído do livro “Pérolas Diárias” (de Wim Malgo)