ENCORAJAMENTO Leia:Hebreus 3:12-14 Vede, irmãos, que nunca haja em qualquer de vós um coração mau e infiel, para se apartar do Deus vivo. Antes, exortai-vos uns aos outros todos os dias, durante o tempo que se chama Hoje, para que nenhum de vós se endureça pelo engano do pecado; Porque nos tornamos participantes de Cristo, se retivermos firmemente o princípio da nossa confiança até ao fim.

1958 foi o ano da primeira Competição Tchaikovsky de Piano em Moscou. Van Cliburn, um participante norte-americano de vinte e três anos, tocou de forma tão magnifica que foi ovacionado durante oito minutos. Ele ganhou o primeiro prêmio, foi recebido como herói nos Estados Unidos e foi notícia na mídia internacional.Poucas pessoas, no entanto, sabem o que Van Cliburn fez com o seu prêmio, um carro sofisticado e caro. Para surpresa das autoridades soviéticas, ele doou o carro para a única igreja evangélica autorizada em Moscou naquela época. Van Cliburn havia participado do culto naquela igreja no Domingo anterior e foi tão tocado pelas histórias de perseguição daquelas pessoas, que decidiu, com esse presente inesperado, encorajar suas vidas.Encorajar uns aos outros é uma parte importante da nossa caminhada diária com Cristo. Vivemos num mundo corrompido pela descrença, pelo pecado e, às vezes, pela perseguição. Como manter nossa fé? As Escrituras Sagradas nos dão a receita: amar, encorajar e orar uns pelos outros.Quando nossos companheiros cristãos lutam com dificuldades e sofrimento, devemos rapidamente oferecer ajuda e generosidade.

Pense:
Encorajar os que estão ao nosso redor surpreendentemente nos encoraja também!
Ore:

Pai, damos graças pelos crentes fiéis que diariamente nos encorajam em nossa jornada de fé. Dá-nos o teu amor para que possamos encorajar outros. Em nome de Jesus. Amém.

E, estando ele assentado no tribunal, sua mulher mandou-lhe dizer: Não entres na questão desse justo, porque num sonho muito sofri por causa dele.

Mateus 27:19-31

19

E, estando ele assentado no tribunal, sua mulher mandou-lhe dizer: Não entres na questão desse justo, porque num sonho muito sofri por causa dele.

20

Mas os príncipes dos sacerdotes e os anciãos persuadiram à multidão que pedisse Barrabás e matasse Jesus.

21

E, respondendo o presidente, disse-lhes: Qual desses dois quereis vós que eu solte? E eles disseram: Barrabás.

22

Disse-lhes Pilatos: Que farei então de Jesus, chamado Cristo? Disseram-lhe todos: Seja crucificado.

23

O presidente, porém, disse: Mas que mal fez ele? E eles mais clamavam, dizendo: Seja crucificado.

24

Então Pilatos, vendo que nada aproveitava, antes o tumulto crescia, tomando água, lavou as mãos diante da multidão, dizendo: Estou inocente do sangue deste justo. Considerai isso.

25

E, respondendo todo o povo, disse: O seu sangue caia sobre nós e sobre nossos filhos.

26

Então soltou-lhes Barrabás, e, tendo mandado açoitar a Jesus, entregou-o para ser crucificado.

27

E logo os soldados do presidente, conduzindo Jesus à audiência, reuniram junto dele toda a coorte.

28

E, despindo-o, o cobriram com uma capa de escarlate;

29

E, tecendo uma coroa de espinhos, puseram-lha na cabeça, e em sua mão direita uma cana; e, ajoelhando diante dele, o escarneciam, dizendo: Salve, Rei dos judeus.

30

E, cuspindo nele, tiraram-lhe a cana, e batiam-lhe com ela na cabeça.

31

E, depois de o haverem escarnecido, tiraram-lhe a capa, vestiram-lhe as suas vestes e o levaram para ser crucificado.

 

Grande é a perplexidade de Pilatos diante do Acusado que os líderes dos judeus lhe trouxeram. Nunca teve diante de si um homem como Aquele. Um duplo testemunho – o de sua mulher (v. 19) e o de sua consciência (v. 24) – deu-lhe a convicção de que estava diante de si um justo. Além disso, ele conhecia a perversidade dos homens que O tinham entregado por inveja (v. 18). O que fazer? Se o condenasse, certamente estaria cometendo uma injustiça. Porém, se O deixasse livre, sua popularidade seguramente cairia. Lavando simbolicamente as mãos (mas não sua consciência!), ele joga a responsabilidade sobre o povo, que a aceita com os olhos cegos. Por trás dessa multidão, movida por instintos de mais baixo nível, e por trás dos líderes do povo que a incitava, estava Satanás, prosseguindo com sua obra de ódio. Porém Deus também fazia prosseguir a Sua obra, a obra de graça e de salvação.

Agora o Senhor Jesus está nas mãos dos rudes soldados. Estes Lhe vestem um manto de púrpura simulando o traje real e zombam dEle; depois, levam-NO para a execução. Mas um dia, à vista de todos, o Senhor aparecerá em toda a Sua majestade de Rei dos reis. E Sua mão poderosa, a mesma que naquele dia de sofrimento empunhou um caniço, será levantada em juízo contra Seus inimigos (comparar o versículo 29 com Salmo 21:3,5,8).

Extraído do “Guia Devocional do Novo Testamento” – literatura@terra.com.br

RAB diyor ki,‹‹Sesini ağlamaktan,Gözlerini yaş dökmekten alıkoy.Çünkü verdiğin emek ödüllendirilecek›› diyor RAB.‹‹Halkım düşman ülkesinden geri dönecek. Tanrım da her ihtiyacınızı kendi zenginliğiyle Mesih İsada görkemli bir biçimde karşılayacaktır.

Versículos de hoje

Assim diz o SENHOR: Reprime a tua voz de choro, e as lágrimas de teus olhos; porque há galardão para o teu trabalho, diz o SENHOR, pois eles voltarão da terra do inimigo. Jeremias 31:16

O meu Deus, segundo as suas riquezas, suprirá todas as vossas necessidades em glória, por Cristo Jesus. Filipenses 4:19

E, vindo, ele [Cristo] evangelizou a paz… porque, por ele, ambos temos acesso ao Pai em um mesmo Espírito (Efésios 2: 17-18).

Domingo 7 Outubro

E, vindo, ele [Cristo] evangelizou a paz… porque, por ele, ambos temos acesso ao Pai em um mesmo Espírito (Efésios 2: 17-18).

UMA PONTE ENTRE DEUS E NÓS

Os historiadores constataram que a idéia que cada povo tem de Deus influi grandemente no comportamento dele. Então surgem as perguntas: Quem é Deus? Como conhecê-Lo verdadeiramente? Assim como as capacidades de um robô não podem competir com a inteligência do engenheiro que o projetou, é evidente que uma criatura tampouco pode imaginar como é seu Criador. Foi, portanto, necessário que Ele Se revelasse; e o fez particularmente por meio de quatro nomes principais registrados na Bíblia.

Deus é o Altíssimo, possuidor dos céus e da terra (Gênesis 14:19). De fato, Deus está sobre tudo e é independente da natureza. Criou o universo que administra para Si mesmo e para o bem de Suas criaturas.

Deus é o Todo-poderoso (Gênesis 17:1), que pode intervir na vida de cada ser humano. E o faz em resposta à fé a fim de cumprir o que é impossível para os homens.

Deus é o Eterno (Iavé), o ser supremo, o único que possui em si mesmo a vida eterna. Nunca muda. Quer se relacionar com o homem e julgará a cada um de maneira perfeitamente justa.

Finalmente, Deus é o Pai, o Deus de amor, o Deus e Pai de Jesus Cristo, que para Se aproximar do homem em graça veio compartilhar sua condição. Jesus era realmente um homem, porém também era Deus. Veio para estabelecer uma ponte entre Deus e nós. Ele o fez da maneira mais surpreendente ao oferecer Sua vida por nós.

Extraído do devocional “Boa Semente” – literatura@terra.com.br

Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!”

7 de Outubro

“Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!” João 1.29

Você sabe que este Jesus, que esteve pendurado na cruz e morreu por você, é o Criador de todas as coisas? Sabe que o Deus eterno não se cansa nem se fatiga? Sua mente é indecifrável. Ele carrega todo o Universo. Em sentido mais profundo, não existem leis da natureza, mas tudo é sustentado e mantido por uma Pessoa, Jesus Cristo. Em Isaías 9.6 lemos: “…o governo está sobre os seus ombros.” É como se o Espírito Santo dissesse: esse Jesus, o eterno Filho de Deus, é tão forte que carrega todo o Universo sobre Seus ombros. Agora leia Lucas 15.4-5. Ali você O vê como o bom pastor. Ele se tornou homem, e nessa passagem Ele fala das cem ovelhas que possui, e quando perde uma delas, Ele a procura até encontrá-la, e então a carrega sobre Seus ombros. Para carregar aquela uma ovelhinha Ele necessita dos dois ombros! Você crê que estes ombros fortes um dia possam desabar? ” sim, sem dúvida, eles desabaram sob uma carga que foi mais pesada que todo o Universo: “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!” Ele caiu sob o peso dos nossos pecados, mas a morte não pode retê-lO. Ele ressuscitou e vive!

Extraído do livro “Pérolas Diárias” (de Wim Malgo)